Sua empresa investe em e-mail marketing e nutrição de leads?

nutricao de leads

Sua base de clientes está preparada para comprar de sua empresa? Você quer surfar a onda do marketing digital, mas não sabe por onde começar? Já captou novos clientes e não sabe como fazê-los avançar em seu funil de vendas? Calma!

A seguir, saiba mais sobre uma das ferramentas mais poderosas para gerar vendas: o e-mail marketing. Entenda como utilizá-lo na nutrição de leads captados e gerar resultados para o seu negócio.

Definindo e-mail marketing

Engana-se quem pensa que, com canais como redes sociais, o e-mail marketing perdeu a relevância – ele tem, na verdade, uma posição estratégica vital para suas campanhas. Em relação a qualquer outro formato de marketing, sua taxa de retorno pode ser até quatro vezes maior!

Um e-mail marketing de qualidade se destaca quando as empresas sabem aproveitar suas maiores qualidades; no caso, o potencial é a forma personalizada e segmentada de entregar um conteúdo. Seja uma promoção de sua loja ou uma recomendação de artigos úteis de seu blog, a ação pode ser 100% direcionada.

O e-mail marketing evoluiu do formato de ser simplesmente uma mensagem indesejada ou spam. A comunicação de sua empresa com a base de clientes tem, nele, uma ótima oportunidade de fortalecer interações.

No entanto, de pouco adiantam as vantagens do formato se boas práticas não se unirem à estratégia de e-mail marketing. Entre as boas práticas, é importante engajar leads que estejam devidamente nutridos. Você sabe o que isso significa?

A importância da nutrição de leads para seu e-mail marketing

Alguém que escolhe receber e-mails de uma empresa em troca da disponibilização de seus dados pessoais já é um lead. Por isso, é esperado um engajamento dessa base.

O e-mail marketing, nessa estratégia, surge como ferramenta de engajamento para a nutrição de leads. Isso significa que sua empresa pode, por exemplo, educar seus clientes sobre um assunto específico do mundo da decoração – isso estreita relacionamentos de uma forma personalizada e única.

Para a nutrição de leads, o e-mail marketing pode ser disparado no momento ideal para o segmento certo. Em muitos casos, a automação desses e-mails pode ser uma boa forma de nutrição de leads: um lembrete de sua loja virtual disparado por e-mail assim que alguém não finaliza uma compra em sua loja virtual é um exemplo disso.

Considerações finais

A forma como seu cliente ideal age conta muito e deve orientar sua estratégia de marketing digital. Com base em pesquisa e análise de dados, certamente, sua empresa já tem uma noção do público mais provável, não é mesmo?

Uma campanha estruturada com e-mails que ofereçam o conteúdo ideal para as diferentes etapas do processo ajuda na nutrição dos leads. De visitantes, eles se transformam em potenciais clientes com informações e dados que refletem uma intenção de compra.

Assim, sua empresa tem maior controle e previsibilidade sobre o momento em que pode escolher caminhar com esse lead pelo funil de vendas.

O e-mail marketing permite que você defina focos em sua base de contatos e trabalhe de forma pessoal. Oferecer conteúdos relevantes e segmentados é essencial, dessa forma, seu cliente tem uma posição transparente e definitiva sobre a decisão de compra.

Estruturar o que será enviado, qual a frequência de envios e os objetivos que serão atingidos é, também, fundamental para contar com os resultados dessa estratégia em seu negócio.

Se você ainda tem dúvidas sobre tudo isso, saiba que, de acordo com uma pesquisa, a utilização de e-mail marketing para nutrição de leads gera 50% mais leads qualificados e prontos para fazer negócios, sob um custo 33% menor do que o de outras estratégias.

E então, pronto para investir em e-mail marketing e usar a prática de nutrição de leads para gerar resultados para a sua empresa? Deixe sua mensagem nos comentários e continue acompanhando nosso blog para conhecer outros recursos importantes que poderão gerar grandes resultados para a sua marca!

Deixe uma resposta